Educativo

O programa educativo da Fundação Iberê Camargo tem como objetivo principal aproximar a população deste espaço cultural, a fim de constituir e formar um público que tenha acesso às diferentes linguagens artísticas, em especial, as artes visuais.

O programa promove o estudo e a divulgação da obra de Iberê Camargo e busca aproximar o público da arte moderna e contemporânea. Desenvolve materiais e atividades para professores e alunos, assim como pessoas com necessidades especiais. Atua na formação de mediadores e novos profissionais para o campo da arte. Realiza visitas mediadas e técnicas, oficinas, encontros de orientação para educadores e publicação de materiais didáticos. São propostas também atividades de artes integradas e debates sobre temas ligados à arte e à cultura.

A Fundação, com seu programa educativo, pretende consolidar este espaço como um importante polo de formação cultural, de debates sobre arte e educação e de inserção de tecnologias criativas na produção artística.

17.nov-17.nov.18
15:00-16:00
Educativo

Sábado é dia de desenho de modelo vivo na Fundação! Vem se divertir com a gente experimentando infinitos jeitos de desenhar o corpo humano.

Na exposição Iberê Camargo: Formas em Movimento, vemos como Iberê buscava entender o desenho da figura humana, dedicando muita atenção e tempo para estudar as curvas, os detalhes e as características específicas de cada corpo. É isso que iremos fazer nessa oficina!

Convidamos a todos para observar texturas, gestos e movimentos, olhando diretamente para um modelo vivo com roupas, acessórios e objetos interessantes. Não é preciso “saber desenhar”: essa atividade busca justamente explorar o olhar, brincar com as tantas formas inusitadas de ver aquilo que nos passa tão despercebido no cotidiano – o corpo!

A atividade possui somente 12 vagas e dura cerca de 40 minutos. Os participantes poderão se inscrever para todas as atividades (é quinzenal) ou quantas puder participar. Todas as sessões são gratuitas.

Inscreva-se aqui!

18.nov-18.nov.18
15:00-16:00
Educativo

Teto. Pata. Vidro. Pássaro. Cobra. Máquina. Sândalo. Ponto. Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiótico.

Domingo é dia de pirar com as palavras no Iberê! Venha fugir da lógica, perder o sentido, subverter o juízo.

Nesta oficina, convidamos a todos para brincar com colagens, reconstruindo páginas de jornais e revistas, explorando mil e um jeitos de criar novos significados – especialmente se esse novo significado não fizer sentido nenhum! Serão colagens absurdas — absurdamente maravilhosas! Vem se divertir com a gente!

Inscreva-se aqui!

15.nov-15.nov.18
15:00-16:00
Educativo

Essa quinta é dia de vir brincar de escultura viva no museu!

Você já viu uma escultura ganhar vida? E se essa escultura fosse você mesmo?
Se você nunca pensou sobre isso, prepare-se: nessa oficina, o corpo será mais do que um corpo. Será forma, cor, matéria e movimento. Como? Venha descobrir!

Tendo como inspiração a exposição Subversão da Forma, com curadoria de Bernardo José de Souza, vamos explorar várias maneiras de perceber o corpo – o nosso próprio e o dos outros participantes – a partir de exercícios, dinâmicas e desafios para transformá-los em esculturas coletivas.

O que será que você consegue criar utilizando apenas o seu corpo como suporte?

Inscreva-se aqui! 

Atividade recomendada para crianças de 10 a 14 anos.
Limite de 20 vagas | Local: 4º andar

25.nov-25.nov.18
09:00-18:00
Educativo

O projeto Iberê nas Praças quer despertar na população das cidades o interesses pela arte e cultura. Para aumentar o número de pessoas com conhecimento sobre a obra de Iberê Camargo e estimular o sentimento de preservação da cultura, ofereceremos ao público das cidades oficinas artísticas com linguagens diversas.

No dia 25 de novembro, domingo, estaremos em Viamão, na Praça da Prefeitura, das 9h às 12h, e das 15h às 18h.

ATIVIDADES:

Contação de Histórias: para aprender de forma divertida e lúdica, levaremos o livro Gaveta dos Guardados, de Iberê Camargo, apresentando os carretéis que aparecem como um importante objeto das memórias de infância de Iberê.

Oficina de Gravuras: a gravura, principal técnica do artista, será usada para imprimir a memória das crianças e sua relação com a inventividade do brinquedo, utilizando caixinhas de leite desenvolvendo a consciência ambiental.Compondo a oficina de gravura, as crianças utilizarão o papel artesanal confeccionada pela Geração Poa, grupo de assistência social da Prefeitura de POA, a fim de refletir sobre as possibilidades de reutilização do papel e outros resíduos, além de fomentar o desenvolvimento de políticas sociais inclusivas.

Além das atividades acima, haverá uma van equipada com livros e catálogos que ficarão disponíveis para consulta do público.

As atividades são de indicação livre, gratuitas e sem necessidade de inscrição prévia.

O projeto Iberê nas Praças é uma realização da Fundação Iberê Camargo, com patrocínio da Corsan e apoio do CAU-RS.

24.nov-24.nov.18
09:00-18:00
Educativo

O projeto Iberê nas Praças quer despertar na população das cidades o interesses pela arte e cultura. Para aumentar o número de pessoas com conhecimento sobre a obra de Iberê Camargo e estimular o sentimento de preservação da cultura, ofereceremos ao público das cidades oficinas artísticas com linguagens diversas.

No dia 24 de novembro, sábado, estaremos em Gravataí, no Quiosque da Cultura, das 9h às 12h, e das 15h às 18h.

ATIVIDADES:

Contação de Histórias: para aprender de forma divertida e lúdica, levaremos o livro Gaveta dos Guardados, de Iberê Camargo, apresentando os carretéis que aparecem como um importante objeto das memórias de infância de Iberê.

Oficina de Gravuras: a gravura, principal técnica do artista, será usada para imprimir a memória das crianças e sua relação com a inventividade do brinquedo, utilizando caixinhas de leite desenvolvendo a consciência ambiental.Compondo a oficina de gravura, as crianças utilizarão o papel artesanal confeccionada pela Geração Poa, grupo de assistência social da Prefeitura de POA, a fim de refletir sobre as possibilidades de reutilização do papel e outros resíduos, além de fomentar o desenvolvimento de políticas sociais inclusivas.

Além das atividades acima, haverá uma van equipada com livros e catálogos que ficarão disponíveis para consulta do público.

As atividades são de indicação livre, gratuitas e sem necessidade de inscrição prévia.

O projeto Iberê nas Praças é uma realização da Fundação Iberê Camargo, com patrocínio da Corsan e apoio do CAU-RS.

18.nov-18.nov.18
09:00-18:00
Educativo

O projeto Iberê nas Praças quer despertar na população das cidades o interesses pela arte e cultura. Para aumentar o número de pessoas com conhecimento sobre a obra de Iberê Camargo e estimular o sentimento de preservação da cultura, ofereceremos ao público das cidades oficinas artísticas com linguagens diversas.

No dia 18 de novembro, domingo, estaremos em Eldorado do Sul, na Praça da Praia de Sans Souci, das 9h às 12h, e das 15h às 18h.

ATIVIDADES:

Contação de Histórias: para aprender de forma divertida e lúdica, levaremos o livro Gaveta dos Guardados, de Iberê Camargo, apresentando os carretéis que aparecem como um importante objeto das memórias de infância de Iberê.

Oficina de Gravuras: a gravura, principal técnica do artista, será usada para imprimir a memória das crianças e sua relação com a inventividade do brinquedo, utilizando caixinhas de leite desenvolvendo a consciência ambiental.Compondo a oficina de gravura, as crianças utilizarão o papel artesanal confeccionada pela Geração Poa, grupo de assistência social da Prefeitura de POA, a fim de refletir sobre as possibilidades de reutilização do papel e outros resíduos, além de fomentar o desenvolvimento de políticas sociais inclusivas.

Além das atividades acima, haverá uma van equipada com livros e catálogos que ficarão disponíveis para consulta do público.

As atividades são de indicação livre, gratuitas e sem necessidade de inscrição prévia.

O projeto Iberê nas Praças é uma realização da Fundação Iberê Camargo, com patrocínio da Corsan e apoio do CAU-RS.