Pátio

Artistas são convidados a desenvolver novas performances e instalações no vão (pátio) entre a biblioteca e as salas de trabalho da Fundação Iberê. O espaço constitui-se, assim, em uma área experimental de ampla visibilidade, logo na entrada do edifício, dinamizando a arquitetura de Álvaro Siza a partir da inovação estética, tecnológica e formal.